Ads Top

Empresário de Britney Spears, Larry Rudolph se abre sobre estado de saúde da diva e residência de shows em Las Vegas: “Possivelmente, nunca mais”

Apesar de já ter saído da clínica psiquiátrica, Britney Spears não deve retomar os planos de sua residência de shows em Las Vegas. Pelo menos, por enquanto… O empresário de longa data da cantora, Larry Rudolph, contou ao TMZ que talvez isso não aconteça nunca mais! Como assim, gente?!

Como a pessoa que guia sua carreira, com base nas informações que eu e todos os profissionais que trabalham com ela estão recebendo sobre o que é necessário, está claro para mim que ela não deveria voltar a fazer essa residência em Las Vegas, nem em um futuro próximo e, possivelmente, nunca mais“, revelou Larry Rudolph.

Britney Spears e Larry Rudolph em Las Vegas. (Foto: Getty)

Rudolph nunca foi envolvido na tutela de Britney. Segundo o site, ele só recebe informações médicas que afetam diretamente a carreira da diva. Além disso, o empresário relatou que a cantora participou de 2/3 dos ensaios para a residência quando seu pai ficou doente no final do ano passado.

[anuncio]

Foi a tempestade perfeita. Tivemos de interromper o programa porque os remédios pararam de funcionar e ela ficou perturbada com a doença do pai“, relatou ele. A residência, que deveria começar em 13 de fevereiro, então foi cancelada.

Trabalhando com Britney por muito tempo, Rudolph contou que sempre foi até à dona do hit “Toxic” quando ela queria fazer um novo projeto. Ele disse: “No verão passado, quando queria fazer uma turnê, ela me ligava todos os dias. Ela estava animada, mas, agora, não me liga há meses. Ela claramente não quer se apresentar agora“.

Para o empresário, o futuro da nossa amada princesinha do pop nos palcos ainda é incerto. “Eu não quero que ela trabalhe de novo até que esteja pronta, fisicamente, mentalmente e apaixonadamente. Se esse tempo nunca mais voltar, nunca mais voltará. Não tenho desejo ou habilidade de fazê-la trabalhar de novo. Só estou aqui para ela quando quiser trabalhar. E, se ela quiser trabalhar de novo, estou aqui para lhe dizer se é uma boa ideia ou uma má ideia“, concluiu.

Entenda o caso

Até então o que havia sido relatado era que Britney havia se internado em um hospital psiquiátrico no início de abril, depois de se sentir desestruturada mentalmente com a piora do estado de saúde de seu pai, Jamie Spears. No entanto, a cantora foi vista no hotel Montage, em Beverly Hills, no domingo (21), quando foi passar a Páscoa com o namorado Sam Asghari. Na ocasião, o TMZ apontou para o fato de que a saída teria sido restrita ao feriado.

Apesar de parte dos fãs acreditar que a internação da cantora teria sido forçada, a versão oficial é de que, com a piora do estado de saúde do pai da estrela, que teve o cólon rompido no final do ano passado, a diva pop tomou a decisão de cancelar sua residência em Las Vegas. Mais tarde, ela teria resolvido ir para a clínica psiquiátrica por conta do abalo emocional. Você pode conferir as fotos de Britney saindo da clínica, clicando aqui.

[anuncio]

O pai de Britney tem controle sobre a carreira da cantora desde 2008, época em que ela também passou por problemas de saúde mental. Ele se tornou o único responsável por Britney, após o advogado Andrew Wallet se demitir em março. Jamie tem o poder de agir como o guardião legal da artista, tomando decisões que vão desde suas finanças até sua vida pessoal – como, por exemplo, se ela pode se casar ou não.

Lynne Spears, mãe de Britney, que se divorciou em 2002 de Jamie, colocou mais lenha na fogueira ao curtir comentários no Instagram de fãs que acreditam que a cantora está sendo mantida na clínica contra sua vontade. Um dos comentários curtidos dizia: “Eu realmente espero que você esteja apoiando a Britney na tentativa de acabar com a tutela. Eu realmente espero que seu ex-marido doente não esteja mantendo sua filha em algum lugar contra a vontade dela”.

De acordo com acordo com o TMZ, houve problemas na mudança de medicamentos de Britney. Primeiro, os especialistas precisavam tirar da cantora dos remédios que ela estava tomando — algo que não pode ser feito rapidamente, pois há risco de suicídio se não for feito da maneira correta. Durante o processo, eles criaram um novo coquetel, que deixou Britney instável, inicialmente, e não disposta a cooperar com os médicos. Assim, ela foi internada em uma clínica psiquiátrica. De acordo com os relatos, os médicos acharam que finalmente encontraram a mistura certa de remédios.

Então, Britney deixou a clínica psiquiátrica no dia 25 de abril acompanhada pelo namorado, Sam Asghari, quando foi fotografada em seu carro. Ao ver a preocupação dos fãs de que ela fora internada contra sua vontade, nossa princesinha do pop publicou um vídeo em suas redes sociais na noite do dia 23 de abril e se manifestou sobre a repercussão que o caso tem tomado. “Minha família tem passado por muito estresse e ansiedade ultimamente, então eu só precisava de tempo para lidar com isso. Mas não se preocupem, estarei de volta muito em breve“, informou a cantora na gravação. Confira:

Na última segunda-feira (13), o TMZ informou que Britney Spears teria se juntado ao movimento das redes sociais que pede para libertá-la da tutela de seu pai, Jamie Spears! Tudo porque na sexta-feira (10), a cantora teria feito esse pedido quando esteve no tribunal e dito que o pai a internou numa clínica de saúde mental há um mês contra sua própria vontade e a obrigou a tomar remédios. O site também informou que o advogado da mãe da artista, Lynne Spears, endossou a alegação.

Bom tudo que desejamos é que Britney Spears fique cem por cento novamente para nos presentear com seu talento e carisma!

O post Empresário de Britney Spears, Larry Rudolph se abre sobre estado de saúde da diva e residência de shows em Las Vegas: “Possivelmente, nunca mais” apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.