Ads Top

Vídeo: Priyanka Chopra desabafa sobre bullying e ofensas racistas que sofreu no ‘ensino médio’: ‘Diziam pra eu voltar para o elefante em que tinha vindo’

Priyanka Chopra nasceu na Índia, mas passou sua adolescência em escolas norte-americanas, nas quais sofreu bullying e ataques de racismo por conta da cor da sua pele. A estrela de “Baywatch” revelou em entrevista à Associated Press na última sexta-feira (10) suas experiências desagradáveis ​​enquanto estava no ensino médio. De acordo com ela, os colegas de classe a escolheram como alvo por conta de seu tom de pele.

Fui tratada de forma diferente porque sou morena. Existia, você sabe, um comportamento realmente racista quando eu estava no ensino médio. Fui chamada de “Brownie”, “Curry”,  me disseram para voltar para o elefante em que tinha vindo, e isso realmente me afetou quando eu era criança e afetou minha auto-estima. Então, eu decidi que não me permitiria sentir assim novamente.“, declarou Priyanka.

Priyanka Chopra disse que tem esperança que casos semelhantes ao seu não se repitam no futuro com ajuda de diálogo. (Foto: Getty)

[anuncio]

Priyanka nasceu no estado de Bihar, na Índia, mas mudou-se para os Estados Unidos quando tinha 13 anos de idade para viver com a tia. A atriz de “Quantico” pulou um pouco pelos estados, então acabou frequentando escolas em Massachusetts, Iowa e Queens, em Nova York.

A atriz, que é casada com o cantor Nick Jonas, acrescentou que continua esperançosa de que as experiências que teve no ensino médio mudem com o tipo certo de conversa sobre o tema.

Quanto mais podemos falar sobre isso e abrir os olhos de outras pessoas e dizer: ‘Não precisa ser assim’ e dar mais exemplos, acho que a sociedade vai mudar. Eu quero criar um mundo para os meus futuros filhos em que eles não precisem pensar nisso“, disse ela à Associated Press. Assista ao vídeo:

 

O post Vídeo: Priyanka Chopra desabafa sobre bullying e ofensas racistas que sofreu no ‘ensino médio’: ‘Diziam pra eu voltar para o elefante em que tinha vindo’ apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.