Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

O que é trombose venosa profunda? Especialista tira dúvidas

Você sente dor, calor ou rigidez na batata da perna, coxas ou membros inferiores com frequência? Esses são alguns dos sintomas da trombose venosa profunda, doença que atinge a musculatura formando uma coagulação de sangue no interior do vaso sanguíneo. Essa formação, chamada trombo, pode trazer sérios riscos à saúde, a curto ou longo prazo. 

Manter-se hidratado, movimentar sempre as pernas e evitar permanecer muitas horas na mesma posição estão entre as medidas gerais que podem evitar o problema. Saiba mais em nosso bate-papo com a Dra. Aline Lamaita, cirurgiã vascular e angiologista membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular. 

Formigamento nas pernas

Dor, calor ou rigidez na batata da perna, coxas ou membros inferiores são sintomas da trombose. Foto: iStock

Fortíssima: O que é trombose venosa profunda?

Dra. Aline Lamaita: A trombose venosa profunda acontece quando o sangue coagula dentro da veia, entupindo a passagem de sangue. Isso geralmente ocorre quando existe diminuição na velocidade do sangue, algum tipo de lesão na parede do vaso ou alteração na composição do sangue. Na maioria dos casos, a trombose se manifesta na batata da perna, sempre em um lado só, e começa com um quadro de dor e inchaço persistente.

A doença pode afetar homens e mulheres? Existe alguma idade mais propícia?

A trombose pode acontecer em qualquer pessoa, mas na infância trata-se de evento extremamente raro, e geralmente associado a outras doenças. Em geral o risco aumenta gradativamente a partir dos 40 anos, e a incidência aumenta muito nos idosos.

O que causa a trombose? 

Não existe uma causa única, mas sim a somatória de fatores de risco. Idosos, gestantes, ou mulheres que fazem uso de anticoncepcional, quando associados a tabagismo, obesidade, câncer, doenças do sangue ou terapia de reposição hormonal podem ter o risco aumentado.

Além disso, situações consideradas como de aumento de incidência para a trombose são: pós-operatório de forma geral (principalmente cirurgias ginecológicas e ortopédicas), voos longos (acima de 4 horas de viagens) e imobilizações prolongadas. Enfim, sempre que formos passar por uma situação de risco e tivermos algum fator de risco agravante, devemos ficar atentos. 

Saiba o que é trombose hemorroidária e como deve ser tratada

Como prevenir a doença?

Manter uma boa hidratação, movimentar sempre as pernas e evitar permanecer muitas horas na mesma posição são medidas gerais que podem proteger a todos. Mas medidas como uso de meias de compressão e até o uso de anticoagulantes podem ser necessários dependendo da situação e dos fatores de risco.

Qual é a complicação mais grave da trombose?

Além de inchaço na perna afetada, o paciente pode perceber mudanças na cor da pele, que pode ficar mais escura. Outro fator preocupante é a coceira forte na região, que pode acarretar feridas doloridas. Mas a maior complicação da trombose é o desprendimento de algum coágulo que vai levar à uma embolia pulmonar, situação grave que é grande causa de morte súbita.

Como é feito o tratamento da trombose?

O tratamento é feito através do uso de medicamento anticoagulante injetável ou via oral, a depender do quadro, e pode levar de três meses a um ano e meio. O anticoagulante deixa o sangue mais fluido, impedindo a coagulação sanguínea e a progressão do trombo, enquanto existe a recanalização do sistema. Em alguns casos existe a necessidade de uso perene da medicação.

Saiba mais sobre a relação entre anticoncepcional e trombose

Depois de curada, a trombose pode voltar?

Depois de um episódio de trombose, a veia fica sensibilizada e o paciente passa a ter maior risco de desenvolver um novo episódio. Com os novos tratamentos mais estendidos podemos minimizar esse risco, mas é fundamental que o paciente faça o acompanhamento com um médico vascular.

O post O que é trombose venosa profunda? Especialista tira dúvidas apareceu primeiro em Fortíssima.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.