Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Conheça os diferentes tipos de gripe e saiba como tratar cada um

Todo mundo já ficou gripado pelo menos uma vez na vida (ou várias) e teve que lidar com nariz escorrendo, corpo dolorido, febre e cansaço. A gripe é uma das doenças virais mais comuns que existem e atinge de crianças a idosos, sem distinção. Ela pode ter uma cura rápida, mas, em outros casos, pode exigir tratamento e até internação. 

Para saber mais sobre os diferentes tipos de gripe, conversamos com o Dr. Fausto Nakandakari, otorrino do Hospital Sírio Libanês e especialista em Otorrinolaringologia pela Associação Médica Brasileira (AMB). 

mudanças de temperatura

Dor no corpo, mal-estar, dor de cabeça, febre e diminuição do apetite são alguns sintomas da gripe. Foto: iStock

Fortíssima: Como o vírus influenza é transmitido? 

Dr. Fausto Nakandakari: O vírus influenza é transmitido por meio do contato com gotículas de saliva, tosse ou espirros de alguém que esteja gripado. 

Como a gripe afeta o corpo?

A gripe provoca dor no corpo, mal-estar, dor de cabeça, febre e diminuição do apetite. Ela pode afetar todo o corpo, mas em especial as vias aéreas superiores – com sintomas de nariz entupido, dor de garganta, tosse, secreção nasal e dor de cabeça.

Quantos tipos de gripe existem?

Há vários subtipos descritos na literatura médica, incluindo alguns famosos, como a gripe aviária e a gripe suína (o H1N1), dois subtipos que inicialmente acometem animais e passaram a ser transmitidos para os seres humanos. Já os vírus de influenza são classificados entre os tipos A, B e C. 

Veja as diferenças entre gripe H1N1, gripe comum e resfriado

A gripe tipo A é encontrada em espécies de animais (suínos, cavalos, mamíferos marinhos e aves), que disseminam a doença e, muitas vezes, transmitem para os seres humanos. Os subtipos de virus influenza A são: A(H1N1)pdm09, conhecida por gripe suína,  A(H3N2) e A (H7N9), de origem aviária.

A gripe tipo B infecta apenas humanos e é dividida em dois grupos principais: as linhagens B/ Yamagata e B/ Victoria.

A gripe tipo C é transmitida para humanos e também para suínos, mas não é muito frequente e não causa danos grandes à saúde.

Quais são os tipos mais graves para a saúde?

Os subtipos mais graves são os vírus de contágio animal, que mudam a sua carga genética e passam a atingir os seres humanos. A última e mais grave pandemia foi justamente o H1N1, de origem suína, em 2009. Todos os tipos de gripe são contagiosos, com menor ou maior grau de contágio, mas elas costumam desaparecer do corpo normalmente em torno de 3 a 7 dias.

Os sintomas da gripe H1N1 são iguais aos da gripe comum?

Geralmente os sintomas da H1N1 são mais intensos, podendo levar a falta de ar com necessidade de internação. O tratamento pode ser feito através da terapia de suporte, com anti-inflamatórios, analgésicos e antitérmicos. O uso de medicamentos antivirais também pode ser indicado. Em caso de sinais de alarme, como febre alta ou falta de ar, o paciente deve ser internado e acompanhado em UTI.

No caso da gripe comum, é necessário ir ao médico?

Normalmente não, porque os sintomas normalmente duram entre três e sete dias até que comecem a regredir e o paciente apresente melhora. Porém, se houver falta de ar, febre alta ou febre persistente por mais de 48 horas, queda do estado geral e diminuição do nível de consciência, a pessoa deve procurar um pronto socorro.

Sopa de alho ajuda a curar a gripe e traz outros benefícios

Quem corre mais risco de contágio?

Correm maior risco de serem infectados pela gripe pacientes com risco de exposição, pacientes nos extremos de idade (idosos e crianças) ou portadores de doenças crônicas que levem a diminuição da imunidade. 

Como prevenir a gripe?

Para se proteger contra a gripe, deve-se evitar manter contato íntimo com pessoas que estejam gripadas. Outra medida eficaz é sempre lavar bem as mãos, afastar-se de ambientes fechados e evitar o compartilhamento de pratos, talheres e copos com pessoas infectadas pela gripe. A vacinação também é altamente indicada.

Tirou suas dúvidas? Em caso de suspeita de gripes mais graves, sempre consulte seu médico para lhe indicar um tratamento correto e eficaz. 

O post Conheça os diferentes tipos de gripe e saiba como tratar cada um apareceu primeiro em Fortíssima.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.