Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Assistente de Robert De Niro processada por assistir à Friends no trabalho contra-ataca e acusa ator por série de situações embaraçosas; veja detalhes

Eita, que situação! Após processar sua antiga assistente por “desfalque”, Robert De Niro está sendo processado de volta por uma suposta discriminação de gênero, dando “trabalhos estereotipadamente femininos” a ela, além de supostamente ser verbalmente abusivo e por “salários atrasados”.

De acordo com uma ação judicial obtida pelo TMZ, Graham Chase Robinson alega que foi contratada pelo astro em 2008 como sua assistente executiva. A mulher de 25 anos diz que De Niro comunicava-se com ela de uma “maneira hostil, abusiva e intimidadora” e se referia à ela como “vadia” e “pirralha”.

Segundo a papelada judicial, Graham ainda acusou o ator de estar frequentemente embriagado, descontando seu temperamento nela. Ele também já teria feito brincadeiras sobre tomar “Viagra”, pedindo para ela “imaginá-lo no banheiro”. Supostamente ele também teria sugerido que a assistente poderia ficar grávida usando o esperma de um colega de trabalho.

[anuncio]

Entre outras reclamações, Robinson ainda acusa De Niro de supostamente urinar durante ligações com ela, pedir para ela coçar suas costas e acordá-lo com cutucões quando ele estivesse dormindo. Ela também alega que o astro de 76 anos não fez nada quando um amigo dele deu um tapa na bunda dela.

Robert De Niro está sendo processado por sua antiga assistente (Foto: Getty)

Já o processo de Robert, aberto em agosto, diz que Graham passava “um tempo astronômico” assistindo à Netflix durante o horário de trabalho, tendo visto 55 episódios de “Friends” em um período de quatro dias em janeiro, além de 20 episódios de “Arrested Development” e 10 episódios de “Schitt’s Creek” durante quatro dias de março.

[anuncio]

Segundo a “Variety”, a ação do astro ainda diz que a assistente usou o cartão de crédito da empresa para comprar almoços chiques e hospedagens exorbitantes e que ela usava frequentemente as milhas de voo dele para viagens pessoais. Por isso, De Niro está pedindo 6 milhões de dólares, quase 25 milhões de reais, para a mulher.

O TMZ tentou entrar em contato com representantes do ator para comentários sobre o caso, mas não obteve respostas. Atualmente, Robert De Niro está em cartaz nos cinemas em “Coringa”, que estreou hoje (03) no Brasil.

O post Assistente de Robert De Niro processada por assistir à Friends no trabalho contra-ataca e acusa ator por série de situações embaraçosas; veja detalhes apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.