Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Drake revela sufoco em bar no Brasil por conta de camisa; entenda a história

Mais uma confusão envolvendo Champagne Papi. Todos nós acompanhamos a conturbada passagem de Drake pelo Brasil, durante os últimos dias… O rapper foi um dos escalados como headliner do Rock In Rio, festival conhecido mundialmente. Primeiro que a vinda do rapaz foi o maior tira casaco, bota casaco da história, né? Kkkk Mas não parou por aí, não…

Em uma publicação feita durante a madrugada (30), no Instagram, o cantor aparecia vestindo uma camisa do time Corinthians, segurando uma possível caipirinha nas mãos. Na legenda, ele escreveu: “Escute meu conselho, nunca use itens de futebol presenteados em viagens internacionais. Eu quase comecei uma guerra no bar”. Puts, realmente, esse é um território bem delicado, né? Rapidamente, o assunto “Drake corinthiano” foi parar nos Trending Topics do Twitter. Veja a imagem:

Essa não foi, nem de longe, a única polêmica causada pelo boy em terras tupiniquins. Primeiro, surgiram boatos de que o rapper não viria mais; depois, quando chegou aqui, ele cancelou a transmissão de seu show no Rock in Rio pela TV e, de acordo com o jornal “Extra”, também não quis nem comer a comida brasileira!

A fonte afirmou que os funcionários do hotel onde Drake estava hospedado, em Copacabana, acabaram se irritando com algumas imposições do músico. Aparentemente, ele trouxe seu próprio chef de cozinha para acompanhá-lo no país. Além disso, o rapaz teria se recusado a comer o que foi preparado para ele e só se alimentou com a própria comida trazida do exterior. Será que ele faz alguma dieta especial? Kkkk

O músico até chegou a ir ao restaurante do hotel… mas foi só para comer a batata importada das gringas e fritada por seu cozinheiro nas dependências do local. A voz de “One Dance” também não teria dado gorjeta aos funcionários que o atenderam por lá. Bapho!

O artista, que fechou a primeira noite do festival, só aceitou sua participação no “Rock in Rio” após ter o valor do cachê aumentado de 3 para 4 milhões de dólares (de 12 a 16 milhões de reais, aproximadamente). Continuando os bafafás, segundo a coluna do Leo Dias, um dia antes de sua apresentação, Drake se desentendeu com o iluminador de sua equipe e o demitiu.

Entretanto, como estava em cima da hora e ele não encontrou outro “profissional que julgasse estar à sua altura”, o rapper acabou recontratando o iluminador. Esse seria um dos motivos dele ter cancelado a transmissão de seu show algumas horas antes.

[anuncio]

Ainda segundo Leo Dias, durante todo o momento em que Drizzy esteve no país, havia o risco de sua apresentação ser cancelada. O artista fazia críticas ao festival a todo momento, ameaçando não fazer o show. Uma das principais reclamações dele seria em relação ao tamanho do palco, pequeno demais para sua grandiosidade. Pois é!

Em seu Twitter, o artista justificou o cancelamento da transmissão devido às condições climáticas. “Peço desculpas a todos pela livestream do Rock In Rio. O tempo foi imprevisível e como estava chovendo muito quando fui pro palco, estávamos incertos sobre o resultado do show. Minhas desculpas em nome da mãe natureza… Voltarei pra mais!”, escreveu, indicando que retornará ao país.

Boninho, diretor da TV Globo, contestou as palavras do rapper, e alegou que o mesmo fez um “piti geral”. Além da exibição ao vivo, o canadense também vetou o uso da tirolesa do festival durante o show e as fotos feitas por profissionais — apenas seu próprio fotógrafo foi autorizado a estar ali.

Apesar de tudo, o Drake elogiou a apresentação pelas suas redes sociais: “Foi a maior diversão que eu tive em um bom tempo. Obrigado, Brasil! Minha primeira vez não vai ser a última, então eu vejo vocês na próxima”. No entanto, a situação foi tão estressante que a equipe do Rock in Rio acreditou que tudo não passou de um deboche.

Tenso, hein?

 

O post Drake revela sufoco em bar no Brasil por conta de camisa; entenda a história apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.