Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Vídeo: Giovanna Ewbank se emociona ao falar da maternidade, e desabafa sobre comentários maldosos a respeito da adoção: “Não sou estéril!”

O amor materno na sua forma mais pura e incondicional! A apresentadora e youtuber Giovanna Ewbank deu uma verdadeira “aula” nesta quarta-feira (2), durante uma palestra do famoso TEDx. No bate-papo, a estrela abriu o coração para falar sobre o processo de adoção dos pequenos Titi e Bless, os comentários desnecessários que ouve sobre ter optado adotar, e até mesmo o machismo das pessoas ao cobrarem dela determinados comportamentos.

Logo de cara, Giovanna foi bem sincera ao refletir sobre todos os comentários maldosos que escuta e como a maternidade sempre esteve ligada à cobranças internas e da sociedade. “Por que adoção? Como que uma mulher vem ao mundo e não quer gerar um ser do seu ventre? E os filhos de vocês vêm quando? Como é linda sua filha! Ela tem mãe? Seus filhos são lindos. Eles têm família? Esta são algumas das perguntas que uma mãe adotiva tem todos os dias. Eu sempre achei que eu fosse uma mulher que achava que o relógio biológico nunca ia despertar. Nunca havia pensado em ter filhos. E isso veio com muito questionamento, crítica, muita pressão”, começou antes de comentar que sofreu muita pressão da família e dos amigos.

[anuncio]

Mesmo tendo que lidar com tantos momentos desagradáveis, a atriz explica que acredita faltar informação sobre a adoção no país. “Como eu fico [com todas essas perguntas]? Muito machucada todas as vezes, mas tento ser empática e compreender as pessoas que ainda não entendem o que é a adoção”, falou.

Sempre vítima de especulações, a atriz aproveitou para deixar claro que nem ela e nem o marido, Bruno Gagliasso, tem problemas para gerir uma criança de forma biológica. “Disseram que eu era estéril. Não. Eu não sou estéril. Nem meu marido. Mas não questionaram sobre ele. Mas a mim, mulher. Porque só assim a sociedade consegue explicar porque uma mulher não quer ter filhos ou explodir sua barriga de vida. Existem outras maneiras de explodir de vida”, disse.

[anuncio]

Em diversos momentos é perceptível a luta de Giovanna para controlar a emoção, e ela quase perde a batalha ao relembrar o processo de adoção de sua primogênita. “Me lembro até hoje da primeira vez que eu a abracei. Me deu esse engasgo na garganta, meu corpo trêmulo. Eu encontrei a minha filha e a minha filha me encontrou. Tudo o que eu queria era amá-la e protegê-la para o resto da vida”, relembrou.

Em julho deste ano, Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso adotaram seu segundo filho no Malawi, o pequeno Bless, de 4 anos de idade. Ao lado da irmãzinha mais velha, os quatro formam uma família linda, para a qual desejamos toda a felicidade, amor e saúde.

O post Vídeo: Giovanna Ewbank se emociona ao falar da maternidade, e desabafa sobre comentários maldosos a respeito da adoção: “Não sou estéril!” apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.