Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

A Fazenda 11: Marcos Mion se posiciona sobre ofensa racista de funcionário do programa contra Sabrina Paiva: ‘Acho que ela deveria tomar providência legal’

O triste episódio de racismo sofrido pela modelo Sabrina Paiva na terça-feira (5), segue impactando a 11ª edição de “A Fazenda”. No programa de hoje (6), o apresentador Marcos Mion fez uma abertura fora do convencional para se pronunciar sobre o ocorrido. Na declaração, ele reforçou o posicionamento da emissora, mas não escondeu sua chateação e indignação com o crime praticado por um dos câmeras do reality show.

Na abertura da edição, o programa exibiu a mensagem gravada por Mion. Nela, ele explica tudo que aconteceu com Sabrina e revela a demissão do câmera que proferiu xingamentos racistas contra a participante. “Tanto a Record TV quanto a produtora Teleimage lamentam todo o ocorrido e não admitem que esse tipo de atitude aconteça nas suas produções”, disse.

[anuncio]

Pouco antes do programa ir ao ar, o apresentador usou sua conta pessoal no Twitter para se manifestar também. “A Sabrina e todos peões foram avisados por meio de uma ficha sobre o conteúdo que eu falarei para vocês no programa. Inclusive sobre a Sabrina poder contar com o apoio da Record caso ela queira tomar providências legais. O que eu acho que ela deveria fazer”, tuitou.

“Televisão tem como obrigação educar e informar, além de entreter. Então que sirva para mostrar para milhares de pessoas que sofrem racismo que é crime sim e que elas podem tomar atitudes legais a respeito. Em 2019 esse tipo de postura é INACEITÁVEL e tem que ser combatida”, criticou.

[anuncio]

Relembre o caso

O grave insulto aconteceu ontem (5), enquanto os peões estavam reunidos na sala minutos antes da primeira entrada ao vivo no programa. No momento em que Sabrina se levantava para tomar uma água, é possível ouvir, ao fundo do vídeo abaixo, algo muito parecido com a frase “Vai macaca, senta logo aí” sendo dita. A câmera estava focando a peoa Andréa Nóbrega, que claramente ficou muito desconfortável com o comentário.

“Vocês ouviram isso ou fui só eu?”, questionou Paiva. “Eu não entendi nada”, disse um dos participantes, desconversando. “Eu entendi tudo”, afirmou a modelo. A tensão claramente se instalou entre os confinados. Alguns dos rapazes perguntavam, incessantemente, o que havia sito dito. Hariany confirmou ter escutado também e Sabrina então revelou: “É pesado. Vai macaca, senta aí”. Assista ao trecho abaixo transmitido ao vivo pela plataforma PlayPlus:

[anuncio]

Ele falou: ‘senta aí logo, macaca‘”, confirmou Hariany. “Juro, do vidro. Eu não tô surda, eu tenho certeza, a Hari também ouviu”, prosseguiu a ex-Miss antes das câmeras da transmissão serem cortadas para outro cômodo. Assista:

Após a polêmica ter tomado conta das redes sociais, com espectadores revoltados com o comentário absurdo, a TV Record confirmou que o insulto é verídico. A emissora também declarou ter demitido o operador de câmera responsável pela fala racista. Leia o comunicado na íntegra, que também foi enviado aos peões na casa:

“A Record TV informa que ontem, 05/11, durante o reality A Fazenda, ao vivo, um operador de câmera, posicionado atrás de um dos espelhos da sala, fez um comentário racista a respeito da participante Sabrina Paiva.

[anuncio]

Imediatamente ao fim do programa, a produtora Teleimage (que presta serviços à Record TV e é a contratante do operador de câmera), identificou o ofensor. Ele foi repreendido e teve seu contrato de trabalho rompido sumariamente.

A Record TV repudia veementemente esta atitude e qualquer tipo de preconceito. Como se trata de ofensa racial, será informado à participante Sabrina Paiva que a ela será dado o direito de fazer a representação legal ao ofensor, se assim quiser e no momento que desejar.

O post A Fazenda 11: Marcos Mion se posiciona sobre ofensa racista de funcionário do programa contra Sabrina Paiva: ‘Acho que ela deveria tomar providência legal’ apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.