Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

“Coringa”: Diretor revela a ÚNICA vez em que o personagem riu de verdade no longa; Joaquin Phoenix comenta se participaria de continuação; vem ver!

Se você já foi aos cinemas conferir o misterioso e dramático “Coringa”, com certeza ficou com muitas dúvidas pipocando na mente. Felizmente, Todd Phillips, o diretor do longa, respondeu uma das maiores questões! Ele revelou qual foi a única vez em que o personagem riu de verdade. Além disso, em meio a esse sucesso todo, Joaquin Phoenix contou o que pensa sobre reprisar seu papel numa possível sequência.

Como sabemos bem, no filme, o Coringa tem uma doença rara que o faz rir em diversas circunstâncias – um pouco inspirada na epilepsia gelástica. Mas qual foi a vez em que seu riso foi verdadeiro? Para explicar isso, Todd explanou os principais tipos de risadas do personagem no filme, quando ele vive diferentes situações.

A maior parte das risadas do Coringa não são naturais, exceto uma! (Foto: Reprodução/YouTube)

“Existe a risada que vem da sua aflição, quando ele está acuado e com dor”, citou o diretor, para a revista Empire. “E tem a risada que ele faz quando ele quer se encaixar e ser um daqueles caras, que é a risada forçada e falsa”, continuou. Tirando esses dois tipos, que tomam a maior parte do longa, resta apenas um, brevíssimo. “A única vez em que Arthur/Coringa realmente ri de verdade no filme é na última cena”, expôs ele.

[anuncio]

Apenas para recordar, mas sem soltar muitos spoilers, na cena final, vemos um caos instaurado por toda a cidade. Então, temos ali mais uma última amostra do cinismo e psicopatia de Arthur Fleck, com um riso debochado e sincero. Não sei vocês, mas bateu a vontade de conferir isso tudo de novo! Kkkk

Em tempo, todos sabemos que a produção está vivendo dias de glória. “Coringa” tornou-se o filme para maiores mais rentável da história do cinema. Por isso, o “The Envelope”, do jornal “Los Angeles Times”, quis saber se todo esse sucesso inspirava Phoenix a encarar uma sequência. E ele foi bastante direto sobre o assunto, chamando a ideia de “ridícula”. Mas com ressalvas…

[anuncio]

Para ele, só o sucesso não justificaria um segundo filme. “Eu não faria uma sequência só porque o primeiro filme é bem-sucedido. Isso é ridículo”, disparou o astro. No entanto, a verdade é que Joaquin pareceu um pouco dividido sobre a questão. Mesmo que acredite que o papel de Arthur seja uma coisa única, ele também percebe o quanto seu universo é imenso.

Joaquin Phoenix no tapete vermelho de “Coringa” no “Festival de Cinema de Veneza 2019”. (Foto: Getty)

Ele mesmo sugeriu uma sequência há muito tempo, antes mesmo da estreia e de qualquer vislumbre do sucesso. “Na segunda ou terceira semana de filmagens, eu estava tipo, ‘Todd, será que você pode começar a trabalhar numa sequência? Tem muitas coisas para explorar'”, recordou ele. “Foi meio que uma piada – mas não realmente”, adicionou. O famoso: é brincadeira, mas se você quiser eu quero.

[anuncio]

Inclusive, Phoenix quis provar que a presença do Coringa seria incrível em qualquer produção. “Basicamente, eu disse, ‘Você pode pegar esse personagem e colocá-lo em qualquer filme… Então, fiz uma sessão de fotos com o fotógrafo do set e fizemos pôsteres em que eu ‘photoshoppei’ o Coringa em dez filmes clássicos. O Bebê de Rosemary, Touro Indomável, Yentl. Se você vê isso, você fica tipo, ‘É, eu assistiria aquele filme’. Yentl com Coringa? Isso seria… incrível!”, recordou.

Bom, fica claro que o astro tem um grande respeito pelo trabalho feito com seu personagem. Mas será que essa continuação sai mesmo do papel? Quem sabe um dia, né?!

O post “Coringa”: Diretor revela a ÚNICA vez em que o personagem riu de verdade no longa; Joaquin Phoenix comenta se participaria de continuação; vem ver! apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.