Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Conheça o peixe-lua, o animal marinho mais estranho que existe

É considerado como o peixe mais pesado de sua espécie devido a estrutura óssea em seu corpo, ele é popularmente conhecido como mola-mola, pesa no mínimo cerca de 1.000 kg, alguns estudiosos encontraram esse animal do gênero com 1.600 kg. Por mais estranho que pareça, ele não está localizado na família de golfinhos, baleias e outros seres marinhos de grande porte, mesmo com todo esse volume e medida.

Encontra-se em locais tropicais, mares e águas que possuem um clima abrasador. Possui uma aparência diferente de vários outros peixes, uma cabeça grande e o restante do corpo com caldas comuns. Para muitos, esse animal é um tanto quanto bizarro.

Quando ficam na fase adulta tornam-se iscas para leões marinhos da Península de Monterey, eles costumam comer as os órgãos internos do bicho,  e aparentemente essa pratica é por puro esporte, pois o peixe-lua não possui predadores naturais, seja humanos ou outros animais. O seu nome foi dado devido a tonalidade que apresenta, meio cinza, e passou a se chamar mola pois deriva da palavra latina chamada mó, uma pedra com estrutura rugosa de corpo arredondado de moer dos moinhos.

Dependendo da região em que encontra-se, o peixe-lua é chamado por nomes diferentes, em inglês por exemplo é conhecido como “sunfish”, que significa peixe-sol, esse nome foi dado pois o animal marinho costuma tomar banho de sol próximo à superfície da água. Já em alemão chama-se “Schwimmender Kopf”, em tradução significa cabeça voadora.

Um ponto positivo para banhistas é que ele é considerado como um bicho extremamente dócil, só causa algum problema quando decide saltar na água, logo o salto sobre um bote por exemplo é um pouco preocupante. Esse comportamento não é mecanismo de ataque, essa espécie costuma fazer isso com o intuito de eliminar alguns parasitas que ficam presos em quase toda região do corpo.

O post Conheça o peixe-lua, o animal marinho mais estranho que existe apareceu primeiro em VIRGULISTAS.COM.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.