Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Steve Carell gostaria de ter continuado em “The Office” após sétima temporada, diz livro sobre a série; Saiba o motivo da despedida do astro!

Isso não é um treinamento de incêndio! Segundo o livro de Andy Greene, “The Office: The Untold Story of the Greatest Sitcom of the 2000” (“The Office: A história não contada do melhor sitcom dos anos 2000”, em tradução livre), o astro Steve Carell tinha planos de continuar na série após a sétima temporada. No entanto, ele mudou de ideia depois de observar atitudes da emissora NBC, dona da produção.

Na obra, diversas pessoas que trabalharam na série discutem a surpresa da despedida do ator. Tudo começou quando Carrell, durante uma entrevista de rádio em 2010, disse que a sétima temporada de “The Office” “provavelmente seria seu último ano”, após seu contrato expirar. “Ele não planejava dizer isso e não tinha decidido nada. Ele estava meio que pensando em voz alta, mas ele fez isso em uma entrevista em público e isso criou notícias”, disse um funcionário da parte de som da série, Brian Wittle. “Depois, o que ele disse, é que as pessoas conectadas à série não tiveram nenhuma reação [ao que ele falou na entrevista]”, acrescentou.

“Eles não ligaram pra ele e disseram: ‘Quê? Você quer sair?’. Ele disse que não recebeu nenhuma tipo de resposta deles. Quando ele notou que não recebeu, ele pensou: ‘Oh, talvez eles realmente não liguem que eu saia. Talvez eu deveria fazer outras coisas'”, contou Wittle. Não, gente! Michael Scott é o melhor chefe do mundo!

“Então, eu acho que isso tornou [a saída da série] mais fácil, porque quando as notícias de que ele estava considerando deixar ‘The Office’ saíram na mídia, as pessoas responsáveis por manter ele lá não fizeram um grande esforço para isso até mais tarde”, concluiu.

Steve Carell como Michael Scott em “The Office”. (Foto: Reprodução/NBC)

A cabeleireira Kim Ferry alegou que Carrell “não queria deixar a série”, afirmando que o ator “tinha dito à emissora que assinaria um novo contrato para mais alguns anos”. “Ele estava disposto e o agente dele estava disposto. Mas, por alguma razão, eles não o contataram. Eu não sei se foi um jogo ou o quê. Essa parte eu não sei, porque eu não podia entender como eles não iriam querer que Steve Carell permanecesse na série. Talvez eles estivessem apenas tentando esperar e depois iriam oferecer a ele um valor menor… Mas eu estou dizendo a você que Steve queria permanecer na série. Ele planejava isso”, contou.

[anuncio]

“Ele disse ao empresário, e o empresário contatou [os executivos da emissora], e disse que ele estava disposto a assinar o contrato por mais alguns anos. Então, tudo estava pronto do lado deles, honestamente. O prazo final veio para [a NBC] quando eles deveriam ter feito uma oferta para ele, e o prazo passou, e eles não fizeram uma oferta. Então, o agente dele ficou tipo: ‘Bom, eu acho que eles não querem renovar você por algum motivo’. O que foi insano para mim. E para ele, eu acho”, afirmou a profissional.

O diretor de elenco, Allison Jones, engrossou o coro: “Alguém não pagou a ele o suficiente. Foi absolutamente estúpido. Eu não sei o que mais dizer sobre isso. Apenas estúpido”. 

John Krasinski e Steve Carell nos papéis de Jim e Michael. Ai, que saudade… (Foto: Reprodução/NBC)

A saída de Carell veio assim que Bob Greenblatt substituiu Jeff Zucker como diretor da NBC Entertainment. Em conversa com o autor do livro, Zucker disse: “Eu me lembro vagamente de ter conversas [com Steve Carell sobre o ator permanecer], mas eu não lembro de nenhum detalhe sobre isso”. Greenblatt também tirou o corpo fora: “Eu não consigo lembrar da sequência de eventos, mas eu acho que Steve já estava saindo da série quando eu cheguei. Eu não podia fazer nada sobre isso, já que foi algo antes de mim”. 

[anuncio]

Já a produtora Teri Weinberg atribuiu a saída de Carell a outro motivo, e garantiu que os executivos da NBC não iriam querer que o ator deixasse a série. “Acho que ele sentiu que já tinha visto seu personagem progredir, de um modo que era incrivelmente satisfatório para ele. E ele sentiu que era a hora, e a história o tinha levado a um lugar no qual o personagem dele estava pronto para partir, e nós respeitamos isso”, concluiu.

Só temos uma coisa a acrescentar sobre tudo isso:

O post Steve Carell gostaria de ter continuado em “The Office” após sétima temporada, diz livro sobre a série; Saiba o motivo da despedida do astro! apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.