Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Vocês se gostam, mas o sexo é ruim? Veja como lidar com problema!

EstáSem dúvida o sexo é muito importante em uma relação e se, nesse aspecto, seu relacionamento não vai bem, você deve resolver com seu parceiro. Existem inúmeros motivos que podem levar ao sexo ruim, como falta de comunicação, de sintonia, timidez, pouca prática e até travas psicológicas. 

Mas como ter essa conversa sem causar mágoa ao outro? Fique tranquila, pois vamos te ajudar! Conversamos com o psiquiatra e sexólogo Dr. Eduardo Perin, que dá algumas sugestões de como ter essa conversa bem sincera com o crush, mas sem magoá-lo. Veja as dicas: 

Fortíssima: Falar sobre sexo ainda é um tabu entre casais? 

Dr. Eduardo Perin: Sim, ainda é um grande tabu conversar sobre sexo, mesmo entre casais, que teoricamente têm bastante intimidade por conta da convivência no dia a dia. Muitas vezes, existem aspectos da vida sexual que eles só conseguem contar quando estão sozinhos, isto é, sem que ninguém os ouça. E mesmo durante a terapia de casal, uma das pessoas ou as duas ficam sem graça ao apontar – ou colocar culpa no outro –  que o sexo está ruim por causa do parceiro. Por isso, continua sendo um grande desafio trabalhar sobre o assunto com casais.

Sexo ruim realmente pode provocar o fim do relacionamento?

Claro, pode provocar o fim do relacionamento, sim. O sexo ruim é apontado por alguns casais como uma das principais causas da separação. Ainda assim, a maioria dos casais que enfrentam uma crise sexual tende a permanecer junto por vários outros motivos, seja pelo companheirismo, pelo afeto, pela admiração em uma série de fatores que influenciam na vida, até mesmo por questões financeiras, não se importando tanto com a qualidade do sexo. 

Quando o sexo é ruim, quer dizer que o casal não combina?

Creio que não. Pode até haver discussões, discordâncias e incômodos durante o sexo e dentro da rotina de convivência do casal, mas eles podem combinar em outros mil aspectos, na personalidade, nos objetivos, nos gostos em comum ou na admiração. E isso, às vezes, é até mais importante do que o’próprio sexo para algumas pessoas. Então não dá pra dizer que o casal não combina apenas porque a vida sexual é ruim. 

Sexo depois do casamento

Sexo ruim é apontado por alguns casais como uma das principais causas da separação. Foto: iStock 

Quais motivos levam um casal a ter sexo não satisfatório?

Existem vários motivos, principalmente o fato de que às vezes o casal não consegue ter uma boa comunicação, um bom relacionamento e isso acaba refletindo em uma má qualidade do sexo. Mas é preciso lembrar que existem alguns transtornos sexuais muito prevalentes na população, como a ejaculação precoce, a disfunção erétil entre homens e a falta de desejo sexual ou falta de orgamos enttre mulheres. Esses fatores também colaboram bastante para que o casal não se sinta sintonizado no sexo. 

Qual é a melhor forma de dizer ao parceiro que o sexo precisa melhorar?

A melhor forma de falar que não há satisfação no sexo é fazer isso diretamente, mas com sensibilidade e carinho. Diga que o desempenho dele (a) precisa melhorar, que você gosta que seja mais ou menos frequente, o contexto em que o sexo acontece, as posições que são feitas, enfim… Pense em todos os aspectos que você quer abordar, mas é importante conversar. Afinal, só com diálogo constante entre os casais é que tudo começa a funcionar, a situação fica mais claro e vocês irão se entender.  

Jogos eróticos: 4 dicas para apimentar sua vida sexual

É importante que essa conversa seja feita em um lugar mais reservado (fora do quarto)?

O mais importante é que essa conversa não seja feita antes, durante ou logo depois do ato seuxal e, sim, em outro momento em que vocês estejam mais tranquilos e sozinhos. É claro que um lugar mais reservado é necessário para que o casal possa falar abertamente sem se preocupar com julgamentos de terceiros. Aproveite aquela hora que você estão juntos fazendo alguma atividade mais leve e relaxante.

Para ajudar a resolver a situação, devo elogiar antes para depois dizer o que não gosto?

A abordagem de elogiar antes para dizer depois o que não gosta é mais bem aceita do que, logo de cara, um dos dois falar sobre os problemas sexuais do casal. É uma boa estratégia para começar o assunto, abordando o que está bom e, em seguida, o que não está e que pode melhorar. Alguns casais preferem uma estratégia mais direta, por isso depende de como é sua relação com o parceiro. 

É positivo fingir orgasmo para agradar o parceiro que tem baixa autoestima?

Não acho que essa seja uma boa estratégia, até porque se o parceiro descobre que você está fingindo ter orgasmo, a autoestima dele, que já era baixa, pode piorar ainda mais. Por isso, não é indicado fingir qualquer coisa durante o sexo para tentar melhorar a vida sexual do casal. 

E se, depois da conversa, o sexo não melhorar. O que devo fazer?

Talvez seja interessante que um dos parceiros procure ajuda profissional, como um terapeuta sexual, ou ambos buscam a terapia de casal. Nesse último caso, o especialista vai conseguir abordar todas essas dificuldades, até mesmo abordar os problemas que não são propriamente sexual, mas questões mais amplas da relação a dois e que podem estar interferindo no sexo e impedem que o casal tenha uma vida sexual ativa e plena. No relacionamento, tudo é escolha, então se você sente que pode melhorar a convivência, vale a pena estudar outras e novas possibilidades de tratamento e, por fim, tente manter uma comunicação clara e leve com o parceiro. 

Dê mais prazer no sexo com cremes de massagem. Conheça 5 tipos!

O post Vocês se gostam, mas o sexo é ruim? Veja como lidar com problema! apareceu primeiro em Fortíssima.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.