Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Após anunciar saída da banda Kasabian, Tom Meighan confessa na Justiça que agrediu violentamente a ex-noiva: “Humilhação pessoal”

O início desta semana tem sido movimentado para o cantor Tom Meighan… Além de anunciar que estava deixando a banda de rock Kasabian, o músico se declarou culpado na acusação de agressão contra a ex-noiva Vikki Ager. Nesta terça-feira (7), o artista compareceu ao Tribunal de Magistrados de Leicester e confirmou que realmente é ele quem aparece nas filmagens das câmeras de segurança atacando a mulher.

O caso ocorreu no mês de abril, e segundo Tom, foi resultado da sua “raiva alimentada por bebidas”. Em um dos vídeos, Vikki aparece sendo arrastada pelos tornozelos até o quintal da sua casa. Ela ficou com lesões nos joelhos, no cotovelo esquerdo, nas pernas e um hematoma no pescoço. Na época, os dois moravam juntos por conta do isolamento social da quarentena.

De acordo com o The Daily Mail, a princípio, o cantor chegou a negar a agressão para as autoridades, mas ao assistir às gravações das câmeras, assumiu que não conseguia ver porque era “muito horrível”. O advogado de Tom Meighan disse que o fato de ele aparecer no tribunal acusado de um ataque doméstico era uma “humilhação pessoal, mas ele não tem ninguém além de si mesmo para culpar”.

Tom Meighan agrediu a ex-noiva e foi flagrado pelas câmeras de segurança. Foto: Getty

[anuncio]

Dentro de casa, Vikki Ager ainda foi jogada de um lado para o outro na sala de estar, e teve a cabeça atingida pela gaiola do hamster. Os relatos dão conta que Tom também tinha “cheirado substâncias tóxicas” e ameaçou bater na cabeça da ex-noiva com um pallet de madeira. Apesar de tudo, a mulher não prestou queixas formais, a denúncia foi feita por uma outra testemunha.

“A Sra. Ager não fez uma declaração à polícia e não parece apoiar essa acusação. É claro que essa escolha não significa que eu deva tratar esse crime com menos seriedade”, afirmou o juiz Nick Watson, antes de acrescentar que a polícia já precisou ir até a casa por conta de queixas semelhantes. Tom Meighan foi condenado a 200 horas de serviço social e comunitário.

Tom Meighan também anunciou sua saída da banda de rock Kasabian. Foto: Getty

[anuncio]

Ontem (6), o Twitter oficial da banda de rock anunciou que o vocalista estava deixando a Kasabian depois de sofrer com problemas pessoais. “Tom Meighan está deixando o Kasabian por consentimento mútuo. Tom tem lutado com questões pessoais que afetam seu comportamento há algum tempo e agora quer concentrar todas as suas energias em colocar sua vida de volta aos trilhos. Não vamos comentar mais”, dizia a publicação. Ele fez parte da banda desde sua criação, em 1997.

Foto: Reprodução/Instagram

O post Após anunciar saída da banda Kasabian, Tom Meighan confessa na Justiça que agrediu violentamente a ex-noiva: “Humilhação pessoal” apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.