Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Ator Clarke Peters chora ao lembrar de crítica que fez sobre Chadwick Boseman nos bastidores de “Destacamento Blood”: “Me arrependo desses pensamentos”

A morte repentina e extremamente precoce de Chadwick Boseman ainda tem sido muito difícil para ser digerida por seus fãs e amigos… Nesta segunda-feira (31), o ator Clarke Peters não conseguiu segurar as lágrimas ao revelar o quanto lamenta ter criticado o colega sem saber que, na verdade, ele estava travando uma batalha contra o câncer de cólon.

Durante sua participação no programa “Good Morning Britain”, o artista relembrou como foi sua experiência trabalhando com Chadwick no filme “Destacamento Blood”, e entregou que chegou a criticar a forma que o colega era tratado. “Quando olho para trás naquela época, eu tenho que dizer com um pouco de arrependimento, eu não fui a pessoa mais altruísta naquele ambiente. Minha esposa me perguntou como o Chadwick era, porque eu estava muito animado em trabalhar com ele. E eu disse que ele era tratado como alguém ‘especial’, porque estava sempre cercado de gente ao redor para bajulá-lo”, disse.

[anuncio]

“Ele tinha uma pessoa chinesa que lhe fazia massagens nas costas quando ele saía do set, uma moça que massageava seus pés, sua namorada segurando sua mão. E eu achando que talvez o lance de [ter feito o] ‘Pantera Negra’ tivesse subido à sua cabeça”, contou em tom de lamento. Clarke não conseguiu conter a emoção ao concluir a linha de pensamento, agora que sabe o que estava acontecendo na vida do colega atrás dos holofotes. “Hoje me arrependo desses pensamentos. Eles estavam cuidando dele…”, afirmou.

A apresentadora tenta consolar o ator dizendo que não tinha como ele saber sobre a saúde de Chadwick, justamente pela performance impecável do astro em cena. “Estávamos em um clima de 40 graus correndo com equipamentos de até 18 quilos nas costas e aquele jovem… Me desculpe”, falou Clarke, sem conseguir controlar as lágrimas novamente. No filme de Spike Lee, os atores interpretavam veteranos da Guerra do Vietnã, que voltavam ao país décadas depois do conflito.

Chadwick Boseman, intérprete do super-herói Pantera Negra nos cinemas, morreu na última sexta-feira (28), aos 43 anos de idade. A notícia chocante e completamente repentina foi confirmada no perfil oficial do artista no Twitter. De acordo com a publicação, o ator enfrentava um câncer de cólon desde 2016. “Chadwick foi diagnosticado com câncer de cólon em estágio III em 2016 e lutou contra ele nos últimos 4 anos, enquanto progredia para o estágio IV”, explicou o comunicado.

“Um verdadeiro lutador, Chadwick perseverou em tudo e trouxe a vocês muitos dos filmes que vocês tanto amam. De ‘Marshall: Igualdade e Justiça’ a ‘Destacamento Blood’, ‘Ma Rainey’s Black Bottom’ e vários outros, todos foram filmados durante e entre inúmeras cirurgias e quimioterapia”, disse a declaração. Confira abaixo:

O post Ator Clarke Peters chora ao lembrar de crítica que fez sobre Chadwick Boseman nos bastidores de “Destacamento Blood”: “Me arrependo desses pensamentos” apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.