Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Estrelas da Marvel lamentam morte de Chadwick Boseman com mensagens emocionantes: “Descanse no poder, rei”; Outros famosos também prestam homenagens

Na noite desta sexta-feira (28), faleceu, aos 43 anos de idade, o ator Chadwick Boseman, intérprete do super-herói “Pantera Negra” nos cinemas. A notícia chocante e repentina foi confirmada no perfil oficial do artista no Twitter.

De acordo com a publicação, Chadwick enfrentava um câncer de cólon desde 2016. “Chadwick foi diagnosticado com câncer de cólon em estágio III em 2016 e lutou contra ele nos últimos 4 anos, enquanto progredia para o estágio IV”, explicou a declaração.

[anuncio]

“Um verdadeiro lutador, Chadwick perseverou em tudo e trouxe a você muitos dos filmes que vocês tanto amam. De ‘Marshall: Igualdade e Justiça’ a ‘Destacamento Blood’, ‘Ma Rainey’s Black Bottom’ e vários outros, todos foram filmados durante e entre inúmeras cirurgias e quimioterapia”, acrescentou. O filme “Pantera Negra” ganhou destaque no comunicado: “Foi a honra de sua carreira dar vida ao rei T’Challa”.

Chadwick Boseman morreu na sua casa, ao lado da esposa e dos seus familiares. “A família agradece por seu amor e orações e pede que vocês continuem a respeitar a privacidade deles durante este momento difícil”, finalizou o comunicado.

Diante da triste notícia, personalidades de todas as áreas se manifestaram, e prestaram suas homenagens ao astro. A começar pelo elenco grandioso dos filmes da Marvel. Chris Evans, intérprete do Steve Rogers, atuou ao lado de Boseman nos filmes “Capitão América: Guerra Civil”, “Vingadores: Guerra Infinita” e “Vingadores: Ultimato”.

“Estou absolutamente arrasado. Isso é além de devastador. Chadwick era especial. Verdadeiramente original. Ele era um artista profundamente comprometido e constantemente curioso. Poucos artistas têm tanto poder e versatilidade. Ele ainda tinha muito trabalho incrível para criar. Sou infinitamente grato por nossa amizade. Meus pensamentos e orações estão com sua família. Descanse no poder, rei”, declarou Evans.

Tom Holland, ator que dá vida ao “Homem-Aranha”, compartilhou uma foto do amigo visitando crianças em um hospital, e elogiou a postura do amigo. “Chadwick, você era ainda mais heroico fora da tela do que dentro. Um modelo não apenas para mim no set, mas para milhões de outras pessoas ao redor do mundo. Você trouxe alegria e felicidade para tantas pessoas e estou orgulhoso de poder tê-lo chamado de amigo. Descanse em paz, Chadwick”, escreveu.

Brie Larson, nossa eterna “Capitã Marvel”, também lamentou a trágica perda. “Chadwick era alguém que irradiava poder e paz. Que representava muito mais do que ele mesmo. Que dedicava um tempo para ver realmente como você estava e dava palavras de encorajamento quando você se sentia inseguro. Estou honrada por ter as memórias que tenho. As conversas, as risadas. Meu coração está com você e sua família. Você fará falta e nunca será esquecido. Descanse no poder e na paz, meu amigo”, desejou.

Angela Basset, que interpreta Ramonda no filme de ação do Pantera, publicou um longo texto, explicando que sua amizade com Boseman era de longa data. “Era para Chadwick e eu estarmos conectados, para sermos uma família. Mas o que muitos não sabem é que nossa história começou muito antes de sua virada histórica como o ‘Pantera Negra’. Durante a festa de estreia do ‘Pantera Negra’, Chadwick me lembrou de algo. Ele sussurrou que, quando recebi meu diploma honorário da Howard University, ele era o aluno designado para me acompanhar naquele dia”, lembrou.

“E lá estávamos nós, anos depois como amigos e colegas, curtindo a noite mais gloriosa de todas! Passamos semanas nos preparando, trabalhando, sentando um ao lado do outro todas as manhãs em cadeiras de maquiagem, nos preparando para o dia juntos, como mãe e filho. Estou honrada por termos aproveitado dessa experiência completamente. A dedicação desse jovem foi inspiradora, seu sorriso contagiante, seu talento surreal. Por isso, presto homenagem a um belo espírito, um artista consumado, um irmão de alma… ‘Você não está morto, só voou para longe…’. Tudo que você possuía, Chadwick, você deu livremente. Descanse agora, doce príncipe”, finalizou.

View this post on Instagram

“It was meant to be for Chadwick and me to be connected, for us to be family. But what many don’t know is our story began long before his historic turn as Black Panther. During the premiere party for Black Panther, Chadwick reminded me of something. He whispered that when I received my honorary degree from Howard University, his alma mater, he was the student assigned to escort me that day. And here we were, years later as friends and colleagues, enjoying the most glorious night ever! We’d spent weeks prepping, working, sitting next to each other every morning in makeup chairs, preparing for the day together as mother and son. I am honored that we enjoyed that full circle experience. This young man’s dedication was awe-inspiring, his smile contagious, his talent unreal. So I pay tribute to a beautiful spirit, a consummate artist, a soulful brother…”thou aren’t not dead but flown afar…”. All you possessed, Chadwick, you freely gave. Rest now, sweet prince.” #WakandaForever

A post shared by Angela Bassett (@im.angelabassett) on

O Deus do Trovão, Chris Hemsworth, foi mais um que se entristeceu com a notícia. “Vou sentir sua falta, parceiro. Absolutamente devastador. Uma das pessoas mais carinhosas e genuínas que já conheci. Mandando amor e apoio à sua família. Descanse em paz”, lamentou.

Mark Ruffalo, intérprete de Hulk, enalteceu a personalidade de Chadwick: “Foi uma grande honra trabalhar com você e conhecê-lo. Que ser humano generoso e sincero. Você acreditou na natureza sagrada do trabalho e deu tudo de si. Muito amor para sua família. E muito amor de todos nós que ficamos aqui”.

“Tudo o que tenho a dizer é que as tragédias acumuladas este ano só se tornaram mais profundas com a perda de Chadwick Boseman. Que homem e que talento imenso. Irmão, você foi um dos grandes de todos os tempos e sua grandeza estava apenas começando. Lorde, te amo. Descanse em poder, rei”, comentou ainda.

“O dia de hoje é devastador demais para compreender. Estou apenas em choque e machucado… Fiquei pasmo com Chadwick, como ator, em seu compromisso com o trabalho e como humano. Eu me inspirava nele. A maneira como ele se portava, quão atencioso e carinhoso ele era, quão generoso… ele elevava todos ao seu redor. Nada disso faz sentido para mim. Havia muito mais vindo deste homem. É uma grande perda. Uma pena”, lastimou Sebastian Stan, cujo personagem, Soldado Invernal — ou Bucky — dividiu várias cenas com o rei T’Challa.

“Descanse no poder, Rei T’Challa. Meu coração está tão pesado agora. Sua morte me atingiu de forma forte. Contarei sobre você para meus filhos para sempre. Você foi um dos homens de mais classe que já conheci em toda minha vida. Foi uma honra compartilhar minutos com você nas telas e cruzado seu caminho durante a divulgação. Apesar de não termos nos conhecido muito, você sempre deixou uma impressão forte por causa de sua energia, equilíbrio e gentileza. Que o universo te entregue para a Terra Prometida, irmão. Que em paz e em poder, possa descansar finalmente. Com o pouco que esteve aqui, você deixou um legado incrível”, afirmou Zoe Saldana, atriz que vive Gamora na saga “Guardiões da Galáxia”.

“Minhas orações vão para a família e amigos do Chadwick. O mundo sentirá falta de seu talento tremendo. Deus, acolha a alma dele”, pediu Chris Pratt, intérprete de Star Lord/Peter Quill, também nos filmes de “Guardiões da Galáxia”.

“Obrigado Chadwick Boseman por tudo que nos deu. Precisávamos disso e sempre vamos apreciá-lo. Um artista irmão, talentoso e generoso, que fará muita falta. Descanse em paz”, compadeceu Samuel L. Jackson, responsável pelo papel de Nick Fury nos longas de heróis da Marvel.

“Uma perda brutal. Descanse em paz, Chadwick”, escreveu Ryan Reynolds, protagonista do filme “Deadpool”.

“Chadwick é uma inspiração, um guerreiro com um grande e bondoso coração que nunca esquecerei. Estou com o coração profundamente partido por sua morte. Enviando amor para a família Boseman. Descanse em paz”, comentou Jeremy Renner, mais conhecido pelo papel de “Gavião Arqueiro” na saga dos “Vingadores”.

A conta oficial da Marvel Studios também emitiu um comunicado lamentando a morte de um de seus grandes membros de equipe: “Nossos corações estão partidos e nossos pensamentos estão com a família de Chadwick Boseman. Seu legado viverá para sempre. Descanse em paz”.

Outros artistas, de diferentes segmentos, também se manifestaram e se despediram de Boseman. Agora pela manhã (29), Lewis Hamilton participou de um treino classificatório para o Grande Prêmio da Bélgica, que acontece neste domingo (30), e ao finalizar a corrida em primeiro lugar, saiu de seu carro e fez o famoso gesto em “X”, que significa “Wakanda Para Sempre”, eternizado por Boseman nas telonas.

“Quero dedicar este pole position a Chadwick. Este tem sido um ano tão pesado para todos nós, mas ouvir essa notícia esta manhã realmente doeu. O que ele conquistou e o legado que deixou é incrível para mim. Ele inspirou uma geração inteira de jovens negros e deu a eles um verdadeiro super-herói para admirar. Descanse no poder, meu amigo”, escreveu ele, no Instagram.

“Chadwick… sem palavras para expressar minha devastação por ter perdido você. Seu talento, seu espírito, seu coração, sua autenticidade… Foi uma honra trabalhar ao seu lado, conhecê-lo… Descanse bem, príncipe… Que os voos de anjos cantantes te levem ao céu para descansar. Eu te amo! Meu coração não aguenta 2020! Por favor, Deus, não dá mais!”, queixou-se a ganhadora do Oscar, Viola Davis.

Josh Gad gravou um vídeo, às lágrimas, falando sobre a morte do amigo. “Não há palavras para expressar o ser humano incrível que Chadwick Boseman era. Na vida, seu caminho se cruza com de pessoas que são boas demais. Esse homem era além de talentoso. Ele dava tudo de si, não só como artista, mas como um ser humano. Além de ser o Pantera Negra, o Chadwick era o T’Challa na vida real. Ele se entregava, entregava e entregava. Nunca parou de se doar. 2020 é devastador por muitos motivos, mas esse dói, porque tira de nós alguém que era, honestamente, uma das melhores pessoas. Não sei como processar, mas quero enviar meu amor para toda a família dele e todos os fãs. Ele fará muita falta. Descanse em paz, meu amigo. Eu te amo”, declarou.

“Que alma gentil e talentosa. Nos mostrando toda aquela grandeza entre cirurgias e quimioterapia. A coragem, a força e o poder necessários para fazer isso. É assim que a dignidade se parece”, comentou a apresentadora Oprah Winfrey.

Joey King, que em “The Act” viveu uma personagem falsamente diagnosticada com câncer, lamentou ao falar da doença: “Isso é horrível. O câncer é horrível. Chadwick Boseman desafiou as probabilidades de sua doença e nos presenteou com tantos grandes personagens, ao mesmo tempo em que sofria da escuridão e da dor do câncer. Descanse em paz, rei”.

O atual candidato à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, também se pronunciou. “O verdadeiro poder de Chadwick Boseman foi maior do que qualquer coisa que vimos na tela. De ‘Pantera Negra’ a ‘Jackie Robinson’, ele inspirou gerações e mostrou que eles podem ser o que quiserem — até mesmo super-heróis. Jill e eu estamos orando por seus entes queridos neste momento difícil”, solidarizou-se.

O diretor Jordan Peele foi enfático em seu comentário: “Esse é um golpe esmagador”.

“Isso é de partir o coração. Obrigada por perseverar durante todo esse tempo. Você deixa para trás um trabalho incrível e um legado inspirador. Descanse no poder. Chadwick para sempre”, enalteceu-o Mariah Carey.

“Descanse em paz, Chadwick Boseman. Isso é inacreditável. Mandando amor e luz para a família dele”, desejou Khalid.

“Cada vez que cruzávamos com você, você era a pessoa mais gentil, pé no chão e tranquila. É realmente muito triste ouvir o que aconteceu. O céu ganhou outro anjo. Descanse no paraíso”, almejou Ciara.

Nick Jonas, por sua vez, se declarou grande fã do ator. “Nunca te conheci pessoalmente, mas sou seu fã desde a primeira vez que te vi na tela. Seu legado viverá para sempre. Sentiremos a sua falta. Descanse no poder, Chadwick. Mandando amor para sua família e amigos neste momento difícil”, comentou.

A notícia também foi um baque para artistas aqui do Brasil. Emicida comparou o evento “Supernova” com a carreira de Boseman. “Supernova é um evento astronômico nos estágios finais da evolução de algumas estrelas, uma explosão muito brilhante. Em apenas alguns dias, seu brilho pode intensificar-se em 1 bilhão de vezes a partir de seu estado original, tornando a estrela tão brilhante quanto uma galáxia”, escreveu.

Maju Coutinho aproveitou sua entrada ao vivo durante o “É de Casa” deste sábado (29), para prestar uma singela homenagem ao ator. “Wakanda Forever! Assisti esse filme, é muito bom”, elogiou a jornalista, após fazer o gesto com os braços bem conhecido pelos fãs dos filmes da Marvel.

Ainda estamos chocados com essa notícia… Que Chadwick descanse em paz, e que a família, amigos e fãs do astro possam encontrar paz nesse momento tão difícil!

O post Estrelas da Marvel lamentam morte de Chadwick Boseman com mensagens emocionantes: “Descanse no poder, rei”; Outros famosos também prestam homenagens apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.