Ads Top

convite para visitar o site da Loja Fetiches

Repórter é intimidada ao vivo por funcionário da Caixa, protesta e é aplaudida por clientes: “Agressão foi você” — assista!

Vida de repórter não é fácil… Nesta semana, Simone Santos, da TV Tribuna – afiliada da Band em Pernambuco – foi intimidada ao vivo, no “Ronda Geral”, enquanto fazia uma cobertura denunciando a desorganização no atendimento de uma agência da Caixa Econômica Federal, em Recife. Após ser interrompida por um funcionário do banco, ela o acusou de tê-la empurrado e não levou desaforo pra casa!

Enquanto mostrava a fila quilométrica na frente da agência, Simone deixou sua crítica: “Desde quando começou a pandemia e o auxílio emergencial, a gente esteve aqui várias vezes, e sempre o cenário é esse”. Na sequência, o cinegrafista Robson Lima filmou as dezenas de pessoas que aguardavam e reclamavam do atendimento, quando a repórter resolveu entrevistar uma cliente – o que, em questão de segundos, fez a fila começar a andar.

Ao vivo, Simone Santos conversava com a população revoltada com o atendimento do banco. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)

[anuncio]

“Vamos para a fila, eu vou te acompanhar. Estou num banco público, estatal, a gente pode acompanhar você”, declarou a jornalista. Mariana, a entrevistada, também não escondeu suas queixas. “Isso aqui é um absurdo. Desde às 6h da manhã a gente está aqui. Uma humilhação. Sol quente, calor, fome, sede. Se o Caixa Tem funcionasse da forma que tem que funcionar, a gente não estava aqui”, lamentou ela.

A situação chamou a atenção de um funcionário da Caixa, que intimou a equipe de reportagem a se retirar do local. “Eu estou em uma área externa. Eu posso fazer a reportagem aqui”, disparou a repórter. Revoltado, o homem entrou em frente à câmera, e acabou se desentendendo com a jornalista. “Você não pode fazer isso!”, reclamou Simone, pedindo a ele que se afastasse.

O funcionário da Caixa pediu que a repórter se retirasse… Mas ela não deixou barato! (Foto: Reprodução/TV Tribuna)

[anuncio]

O funcionário, por sua vez, também revidou as falas. “Isso é agressão”, rebateu o homem. Mas Simone não deixou barato… “Agressão foi você que me empurrou pelas costas. A situação é essa aqui”, respondeu ela, dialogando com o público. “Eu estou em uma agência da Caixa, é um banco estatal, eu não estou dentro da agência. E eu, como jornalista, se eu quisesse, como cidadã, eu poderia entrar no banco!”, completou ela, que acabou sendo aplaudida pelos clientes da agência, inconformados com a situação.

Passada a cena, Simone compartilhou o momento em suas redes sociais e desabafou sobre o episódio. “Agressão não!!! Eu, como jornalista, e como cidadã, se quisesse, entraria SIM na agência da Caixa de Casa Amarela, no Recife”, escreveu ela. “EU SOU JORNALISTA, dar voz a quem não tem voz, sempre!!!”, concluiu a repórter. Coisas que só a TV brasileira proporciona… Assista ao vídeo aqui:

O post Repórter é intimidada ao vivo por funcionário da Caixa, protesta e é aplaudida por clientes: “Agressão foi você” — assista! apareceu primeiro em Hugo Gloss.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.